Google+ Followers

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Arrumação do guarda roupa


                Combinei com minha amiga, Márlia, uma arrumação no meu guarda-roupa.
Esta já é a 3ª vez que ela faz isso para mim.
                Como Márlia trabalha com moda, gosto de ter a avaliação dela para com minhas roupas.
                Já falei num post, que não tenho apego a coisas materiais e por isso descarto sem pena, o que não tiver bom. Só fico com o que uso.
                Na arrumação setorizamos as peças assim: para doação, para conserto e para uso normal.
                Márlia dá ideias de looks, pois não tenho muita criatividade para isso.
A “sacola” das doações já está cheia, novamente.
                O resultado é sempre maravilhoso.
                Ver tudo em ordem me faz bem. Como gosto!!!

 Esta é a Márlia.
 Durante arrumação

Resultado

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Salada deliciosa

Hoje é a vez de compartilhar uma salada fácil de elaborar, como todas as que ponho aqui.

1 frango defumado e desfiado (pode ser frango normal tb, mas o defumado fica melhor)
1 lata de doce de abacaxi picado (não põe a calda)
3 maçãs picadas (põe suco de limão em cima para não escurecer)
1 lata de milho escorrido
1 lata de creme de leite misturada com 3 colheres de maionese (light de preferência).
Mistura tudo e leva à geladeira.

Na hora de levar à mesa, põe-se umas folhas de alface para decorar o prato.

Obs: às vezes, no lugar do creme de leite, ponho iogurte natural.


terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Doce Romeu e Julieta

Hj vou compartilhar uma receita gostosa e bem rápida de fazer.
Vejam se não tenho razão.

No liquidificador:
1 lata de goiabada cortada em pedaços
3 a 4 latas de creme de leite com soro.
Bate bem e põe num pirex.

Depois, bate (no liquidificador):
4 tabletes de queijo Polenghi e 1 lata de leite condensado.
Joga em cima da goiabada.
Leva à geladeira.

Fica bem gostosa.

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Com quem casar


Case-se com alguem que adore te escutar contando algo banal como o preço abusivo dos tomates, ou que entenda quando você precisar filosofar sobre os desamores de Nietzsche.
 
Case-se com alguem que você também adores ouvir.
É fácil reconhecer uma voz com quem se deve casar; ela te tranquiliza e ao mesmo tempo te deixa eufórico como em sua infância, quando se ouvia o som do portão abrindo, dos pais finalmente chegando.
Observe se não há desespero ou insegurança no silêncio mútuo, assim sendo, case-se.
Se aquela pessoa não te faz rir, também não serve para casar. Vai chegar a hora em que tudo o que vocês poderão fazer, é rir de si mesmos.
E não há nada mais cruel do que estar em apuros com alguém sem espontaneidade, sem vida nos olhos.
 
Case-se com alguem cheio de defeitos, irritante que seja, mas desconfie dos perfeitinhos que não se despenteiam.
Fuja de quem conta pequenas mentiras durante o dia.
Observe o caráter, antes de perceber as caspas.
 
Case-se com alguem por quem tenha tesão. Principalmente tesão de vida.
Alguem que não lhe peça para melhorar, que não o critique gratuitamente, alguem que simplesmente seja tão gracioso e admirável que impregne em você a vontade de ser melhor e maior para si mesmo.
 
Para se casar, bastam pequenas habilidades.
Certifique-se de que um dos dois sabe cumpri-las. É preciso ter quem troque lâmpadas e quem siga uma receita sem atear fogo na cozinha; é preciso ter alguem que saiba fazer massagem nos pés e alguem que saiba escolher verduras no mercado.
E assim segue-se: um faz bolinho de chuva, o outro escolhe bons filmes, um pendura o quadro e o outro cuida para que não fique torto.
Tem aquele que escolhe os presentes para as festas de criança e aquele que sabe furar uma parede, e só a parede por ora.
Essa é uma das grandes graças da coisa toda, ter uma boa equipe de dois.
 
Passamos tanto tempo observando se nos encaixamos na cama, se sentimos estalinhos no beijo, se nossos signos se complementam no zodíaco, que deixamos de prestar atenção no que realmente importa; os valores.
Essa palavra antiga e, hoje assustadora, nunca deveria sair de moda.....
 

Diego E. Novo


 

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Cabana del Primo

Há poucos dias, fizemos mais uma reunião com um grupo de amigas.
Deste vez, o local escolhido foi a Cabana del Primo.
Lugar muito agradável e aconchegante. Comida e atendimento nota 10.
Li, que o nome Primo surgiu no contexto, de intimidade, de cortesia, de aconchego, de saber que a casa é de todos, que a pessoa pode ir com a esposa, o namorado, os pais, os amigos, pois lá sempre será bem recebido e se sentirá confortável como na casa de um parente querido. 
Quem não conhece, vale a pena ir lá. 






Agora vejam nosso grupo



Malu foi a aniversariante do mês


 
Cabana del Primo
Rua Maria Tomásia, 503 - 60.170-001 - Fortaleza/CE

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Ter paz!

Recebi de um amigo, gostei e repasso.


A paz que trago hoje em meu peito é diferente da paz que eu sonhei um dia...
Quando se é jovem ou imaturo, imagina-se que ter paz é poder fazer o que se quer, repousar, ficar em silêncio e jamais enfrentar uma contradição ou uma decepção.
Todavia, o tempo vai nos mostrando que a paz é resultado do entendimento de algumas lições importantes que a vida nos oferece. A paz está no dinamismo da vida, no trabalho, na esperança, na confiança, na fé... 

Ter paz é ter a consciência tranquila, é ter certeza de que se fez o melhor ou, pelo menos, tentou...
Ter paz é assumir responsabilidades e cumpri-las, é ter serenidade nos momentos mais difíceis da vida.
Ter paz é ter ouvidos que ouvem, olhos que vêem e boca que diz palavras que constroem.
Ter paz é ter um coração que ama...
Ter paz é aprender com os próprios erros, é dizer não, quando é não que se quer dizer... 
Ter paz é ter coragem de chorar ou de sorrir quando se tem vontade...
É ter forças para voltar atrás, pedir perdão, refazer o caminho, agradecer... 

É melhorar o que está ao meu alcance, aceitar o que não pode ser mudado e ter lucidez para distinguir uma coisa da outra.
É admitir que nem sempre tenho razão e, mesmo que tenha, não brigar por ela. 

Às vezes, para manter a paz que hoje mora em teu peito, é preciso usar um poderoso aliado chamado silêncio.
 
Lembra-te de usar o silêncio quando ouvir palavras infelizes.
Quando alguém está irritado.
Quando a maledicência te procura.
Quando a ofensa te golpeia. Quando alguém se encoleriza.
Quando a crítica te fere. Quando escutas uma calúnia.
Quando a ignorância te acusa. Quando o orgulho te humilha.
Quando a vaidade te provoca.

O silêncio é a gentileza do perdão que se cala e espera o tempo, por isso é uma poderosa ferramenta para construir e manter a paz.
 


terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Como é bom um suco!!

Não sei vocês, mas gosto demais de sucos.
Ponho aqui, alguns conselhos de uma nutricionista:

não coar o suco;
use água de coco, no lugar de água comum, quando puder;
use gengibre e hortelã;
use folhas verdes escuras variadas (ex: couve, espinafre, rúcula, salsinha, manjericão...)
use uma fruta;
dê preferencia a produtos orgânicos;
evitar usar açúcar. Se quiser mais doce, use mel ou Stevia;
tomar sucos todos os dias pela manhã;
Adicione uma colher de sopa de linhaça dourada, chia hidratada ou quinoa em flocos.

Segue uma receitinha de suco que faço:
2 fatias de abacaxi
1 copo de água de coco
1 pedacinho de gengibre
1 ramo de manjericão suco de um limão
1 folha de couve
3 a 4 pedras de gelo
Bate tudo no liquidificador e toma